‘1 Só Coração’, Portugal e Brasil, é o novo trabalho musical, de Nuno Barroso

|

Nuno Barroso lança nas redes sociais mais um trabalho com o selo de qualidade NB produções.

Em dueto com a brasileira Fátima Fonseca e David Pasqua ao piano, a música aborda a união linguística e cultural entre dois povos irmãos – Portugal/Brasil – sem esquecer os tempos de navegação à descoberta de novos mundos.

A balada ‘1 só Coração’ embarca na letra e na interpretação ventos de nostalgia, em marés de recordações, navegando pela amizade de cruz ao peito e pela fraternidade de um coração comum.

Resume os tempos dificeis da descoberta do Novo Mundo, do sangue derramado, das dificuldades e das lágrimas pelos que ficaram pelo caminho.

Nuno Barroso e Fátima Fonseca surpreendem-nos assim com mais este excelente trabalho numa época em que o virus da pandemia teima em desaparecer.

Abaixo a letra e o videoclipe de ‘1 Só Coração’:

São dois povos irmãos

Unidos pelos ventos

Por correntes e marés

Que nos fazem navegar

Unidos por um sonho

Unidos nas palavras

Vou lançar velas ao vento

Na esperança de encontrar

Outro mundo outro lugar

Cruz no peito, das marés

Ventos de sonhos de encantar

Velas de Cristo d’além-mar

Saudade, saudade

De abraçar o mar que nos rodeia

Saudade, saudade

Das lágrimas de sal em Português

Unidos pelos ventos

Sonhando navegar

Cruz ao vento das marés

Na fé dessas galés

Na fé Deus nos perdoe

No fado Deus nos abençoe

Espadas e velas setas ao vento

Marinheiros de alto-mar

Sangue de Cristo do amor

Derramado na cruz a arder

Setas voando

Contra as velas

Que juramos defender

Saudade, saudade

De abraçar o mar que nos rodeia

Saudade, saudade

Das lágrimas de sal em português

Saudade, saudade

De abraçar o mar que nos rodeia

Saudade, saudade

Das lágrimas de sal em português

São dois povos irmãos

Unidos pelos ventos

Por correntes e marés

Que nos fazem navegar

Unidos por um sonho

Unidos nas palavras

Vou lançar velas ao vento

Na esperança de encontrar

Outro mundo outro lugar

Cruz no peito das marés

Dizem bom dia em português

Em Melodias de Além-mar

Cantam sonhos, emoções

Cantam poemas de Camões

Elis Regina é emoção

Tom Jobin é a Canção

Saudade, saudade

De abraçar o mar que nos rodeia

Saudade, saudade

Das lagrimas de sal em português

Saudade, saudade

De abraçar o mar que nos rodeia

Saudade, saudade

Das lagrimas de sal em português

Poema e música de Nuno Barroso

Anterior

“Fados de Amália no Casino Estoril” para celebrar o 100º aniversário de “A Voz de Portugal”

Tash Sultana em Portugal só em setembro de 2021

Seguinte

Deixe um comentário

%d bloggers like this: