Pop Dell’Arte apresentaram o seu novo álbum ‘Transgressio Global’, no CCB

|

Os Pop Dell’Arte regressaram em 2020 com um disco novo, Transgressio Global, e também com um novo espectáculo, Transgressive Days, que apresentaram, ontem, pela primeira vez ao vivo no CCB.

Uma viagem no tempo sob a égide da transgressão que une referências várias que vão desde a Grécia e Roma antigas às sociedades panóticas de controlo do mundo global contemporâneo, passando pela Europa do Renascimento e até Lisboa em 2084.

Aos temas novos, alguns em estreia absoluta, juntaram-se clássicos dos mais de 30 anos da banda como ‘Sonhos Pop’, ‘Querelle’, ‘My Funny Ana Lana’ ou ‘La Nostra Feroce Volontá d’Amore’.

A formação atual dos Pop dell’Arte, inclui João Peste (voz), Paulo Monteiro (guitarra), Zé Pedro Moura (baixo) e Ricardo Martins (bateria).

Alinhamento: Em Creta – A New Identity – Apollo – Egô Desóptron Eien – Hermafrodito  – Minotaur Meetes Picasso In Lisbon – Panoptical Architecture  – El Derecho De Vivie En Paz – Anominous – Cá, Nesta Babilónia – King Of Europe – Style Is The Answer – Post-Romantic Lover – Em Nome – Querelle – Psycho Urban Jungle Rock – Groovy Noise Dada Rock – Orange Kaleidoscope – Freaky Dance – Sonhos Pop – In Different Times – Poppa Mundi – Rio Line

Anterior

Diana Vilarinho levou o fado ao Casino Estoril e encantou quem a ouviu

‘Meu DJ’ é o single de apresentação de Ngunza que aposta numa carreira internacional

Seguinte

Deixe um comentário

%d bloggers like this: