Midnight Oil, ‘Beds are Burning’, o sucesso do rock activista australiano

|

Através da música a banda alerta para a proteção do meio ambiente e para a defesa das causas do povo aborígene.

O grupo australiano Midnight Oil é conhecido em todo o mundo como uma banda de ideais políticos e ambientais fortes. Sua maneira de abordar estes temas transformou suas canções em hinos e suas apresentações em comícios, mantendo vivo o espírito contestador e inconformista do rock.

A banda teve origem em 1972, quando foi formado o The Farm por Jim Moginie, Rob Hirst e Andrew James, tendo-se juntado em 1975, Peter Garrett. Com o relativo sucesso da banda, no final de 1976, muda seu nome para Midnight Oil. No início de 1977 um novo membro se junta a banda, o guitarrista Martin Rotsey. Em 1980 o baixista e um dos fundadores da banda Andrew James é forçado a sair por problemas de saúde, para seu lugar é recrutado Peter Gifford.

Em 1981 os Oils se mudam para a Inglaterra onde gravam o impecável Place Without a Postcard, um álbum recheado de clássicos e ainda mais político que os anteriores. Na metade do ano seguinte a banda grava 10,9,8,7,6,5,4,3,2,1,0 um dos pontos altos na discografia da banda. Surgiram hinos como “Power and Passion”, “Read About It” e “U.S. Forces”. Este álbum é um dos marcos da música australiana.

No inverno de 1986 o Midnight Oil partiu para uma espetacular turné “Blackfella/Whitefella” no deserto Australiano, para se apresentar para as comunidades aborígenes. Estas apresentações contaram com a extraordinária banda local Warumpi, formada inteiramente por Aborígines. O escritor Andrew McMillan documentou toda esta turné no livro “Strict Rules”, que mostra como a música pode mudar toda uma cultura.

Em 1987 o Midnight Oil atinge o auge de seu sucesso com o lançamento do álbum Diesel and Dust. O álbum inspirado na turnê “Blackfella/Whitefella” é considerado até os dias de hoje um dos maiores álbuns já lançados em toda a Austrália. Poderoso, dinâmico e revelador, músicas como “Beds are Burning”, “Put Down that Weapon”, “Dreamworld”, “The Dead Heart” e “Sell My Soul”, foram instantaneamente convincentes para que eles fossem considerados a melhor banda de rock surgida na Austrália nos anos 80.

Hoje os Midnight Oil ainda são ainda uma banda activa mantendo a sua formação, Peter Garret (formado em direito) interrompeu a carreira musical quando foi eleito membro do Parlamento Australiano entre 2004 e 2013.

Abaixo um dos grandes sucesso musicais da banda ‘Beds are Burning’

Anterior

Deserto e Yellow Dog Conspiracy em destaque

Curva da mortalidade mostra “diminuição consistente”

Seguinte

Deixe um comentário

%d bloggers like this: