Leee John matém o ‘Imagination’ vivo com actuações por todo o mundo

|

Imagination foi um grupo britânico de soul e dance que ganhou destaque no início dos anos 80, quando obtiveram quatro discos de platina, nove discos de ouro e mais de uma dúzia de discos de prata ao redor do mundo entre 1981 e 1983. Imagination, foi o nome escolhido pelo trio como tributo a John Lennon.

Formada em 1981, por Leee John, Ashley Ingram, Errol Kennedy, o trio iniciou o seu percurso musical logo com um sucesso comercial com a música ‘Body Talk’, incluída no album do mesmo nome. A faixa chegou ao Top 4 do UK singles chart em maio desse ano, vendendo 250 mil cópias no Reino Unido e dezoito semanas no Top 50, enquanto o album atingiu o Top 20.

Do mesmo albúm tiveram mais dois singles, ‘In and Out of Love’ (setembro) e ‘Flashback’ (novembro), em lugares de destaque na tabela britânica tendo chegado ambos ao UK Top 16.

Seu maior hit no entanto foi ‘Just an Illusion’, que atingiu o Top 2 na tabela britânica de singles e o Top 7 na tabela de albuns, em março de 1982, seguido por ‘Music and Lights’ Top 5 em junho, ‘In the Heat of the Night’ Top 22 em setembro e ‘Changes’ Top 31 em dezembro.

Após o êxito comercial dos dois primeiros albuns o grupo inicia uma turnê pela Europa. Com um estilo distinto e exótico, ficaram também conhecidos pelos encartes esotéricos em seus álbuns e pela forma sinistra com uma ‘simplicidade’ extravagante como se vestiam e se apresentavam em palco.

Depois deste boom inicial de sucesso, o grupo continuou a tocar e a fazer shows dentro do Reino Unido até 1992, mas sem conseguir atingir os niveis de popularidade comercial de outros tempos, ano em que o grupo se extinguiu.

Actualmente Leee John continua a actuar e a levar os Imagination aos fãs, como aconteceu na passagem do ano em 2019 no Casino Estoril. Uma dose de nostalgia e revivalismo de um tempo ido que já não volta e de uma voz que continua intacta de um Leee John repleto de jovialidade e vitalidade.

Para recordar os clipes das músicas ‘Body Talk’, ‘Just an Ilusion’ e ‘Flashback’.

Anterior

Mike Oldfield, intemporal, 50 anos de música e de variadas influências

Maura Airez: “Sou uma rapariga que não desiste. Sou fadista e irei sempre ser!”

Seguinte

Deixe um comentário

%d bloggers like this: